• Quem é Quem - Profhistória
  • Facebook
  • Youtube

Lista das dissertações dos alunos do ProfHistória



Limpar

Foram encontrados 408 registros

Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
KEDSON NASCIMENTO MACIEL O LADO HISTÓRICO DA FORÇA: POSSIBILIDADES DO USO DE ELEMENTOS DO UNIVERSO STAR WARS PARA O DEBATE DE CRISE NA DEMOCRACIA E O TOTALITARISMO NO ENSINO FUNDAMENTAL. 2020 CARLOS AUGUSTO DE CASTRO BASTOS UFPA
Resumo
O presente trabalho busca apresentar os resultados da pesquisa sobre filmes de ficção e conceitos históricos no ensino de História dentro do Programa de Pós-Graduação strictu sensu Mestrado Profissional em Ensino de História da Universidade Federal do Pará, Campus Ananindeua. Tendo como objetivo geral o debate de conceitos históricos nas salas de aula do ensino fundamental e as dificuldades de sua apreensão, tendo em vista seu caráter complexo e abstrato, explorou-se novas maneiras do estudante reconhecer e dialogar com tais conceitos trabalhando com episódios da série de filmes Star Wars como recurso didático principal e relacionando-os com a crise na democracia e ascensão de regimes totalitários no período entreguerras, com estudantes de uma turma de nono ano da Escola Estadual de Ensino Fundamental Nilza Nascimento, na cidade de Castanhal, no estado do Pará e que levaram à produção de mapas mentais baseados nas suas impressões e compreensão dos conceitos e da narrativa histórica estudada, no segundo semestre do ano de 2019. Para realizar o trabalho de intervenção pedagógica foram desenvolvidas cine-aulas, rodas de conversa e oficinas de produção de mapas mentais, buscando tornar as aulas mais lúdicas e incentivar o protagonismo do estudante na construção do conhecimento.
Palavras-chave
ProfHistoria; Ensino de História; Conceitos Históricos; Mapas Mentas; Ficção; Star Wars.
Link
Dissertação
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
RONILSON DE OLIVEIRA SOUSA NO TEMPO DO PEGA”: LUGARES E MEMÓRIAS DA BALAIADA NO ENSINO DE HISTÓRIA EM SÃO BERNARDO-MA 2020 ADILSON JUNIOR ISHIHARA BRITO UFPA
Resumo
Este trabalho, sobre o ensino de história, tem o objetivo compreender a representação da Balaiada, entre o passado e o presente, envolvendo o município de São Bernardo, na região do Baixo Parnaíba Maranhense, considerando as memórias e a tradição oral compartilhadas entre sujeitos sociais ao longo do tempo, sobre os vestígios da escravidão e dos processos de resistência da Balaiada na cidade e região. Problematizamos os silenciamentos e esquecimentos desse passado, a partir do ensino de História na escola pesquisada e, também, na cidade, nas narrativas e discursos históricos no tempo presente. Para analisar essa estratégia, o trabalho foi estruturado como uma pesquisa-ação, explorando os diferentes lugares da cidade e comunidades rurais de ancestralidade negra. Nesse sentido, elaboramos atividades dentro e fora da escola, explorando a história, memória e tradições orais. Por lidar com sujeitos vivos e fontes imateriais, os estudantes foram instrumentalizados a lidar com fontes orais produzidas por meio de gravação de entrevistas realizadas na cidade e nas comunidades, colhendo depoimentos da tradição oral. Dentro do aporte teórico-metodológico da pesquisa-ação, aula-oficina e História Oral –, os estudantes elaboraram formulários com perguntas sobre a origem da cidade, o passado de escravidão e os vestígios da Balaiada na região. Os dados levantados nos permitiram analisar diversos aspectos da historicidade local, principalmente quanto às questões relacionadas aos processos de resistência negra na Balaiada, nos lugares de memória, nas versões e rastros do passado da cidade. Também como parte desta dissertação de mestrado e produto didático-pedagógico, elaboramos um documentário apresentando as narrativas orais, as memórias de grupos e representações do passado Balaio em espaços não-formais de aprendizagem, aliadas ao ensino de História e à História Pública.
Palavras-chave
ProfHistoria; Ensino de História; Memória; Tradição Oral; Balaiada.
Link
Dissertação
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
ROSANGELA DE OLIVEIRA DUARTE CONHECIMENTO HISTÓRICO ESCOLAR E EDUCAÇÃO PATRIMONIAL NO MUSEU MEMORIAL DA BALAIADA 2020 SIDIANA DA CONSOLAÇÃO FERREIRA DE MACEDO UFPA
Resumo
O presente trabalho estuda as possibilidades de usos dos objetos musealizados e do patrimônio edificado, as ruínas de um forte do século XIX, esculturas e monumento ao Duque de Caxias do Museu Memorial da Balaiada, em Caxias MA, como recursos didáticos nas aulas de História para a construção de saberes históricos com base na associação do ensino à pesquisa com fontes documentais. O museu é compreendido, nesta dissertação, como espaço de produção de conhecimento, representação e silenciamento de memórias. O objetivo foi analisar as narrativas e os saberes produzidos pelos discentes do 3° Ano do Ensino Médio do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IEMA, sediado em Timon-MA, com base em uma aula visita ao Museu Memorial da Balaiada. Com base na oficina de preparação dos alunos para a aula visita e dos conhecimentos prévios dos alunos, discutiram-se noções sobre memória, história, patrimônio e museu, buscando fazer com que os alunos vissem os objetos como documento de investigação histórica e o museu como espaço de disputas de memórias. Como resultado da pesquisa foi construído como produto um site do Museu Memorial da Balaiada, para uso de professores e alunos. O site possui orientações metodológicas para os docentes, galeria de fotos, histórico do museu, resumo sobre a Balaiada e o museu virtual para a visitação em 360º, disponível no endereço http://www.memorialvirtual.com .
Palavras-chave
ProfHistoria; Ensino de História; Balaiada; Museu; Educação Patrimonial.
Link
Dissertação