• facebook

Lista das dissertações dos alunos do ProfHistória



Limpar

Foram encontrados 259 registros

Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
CARLOS EDUARDO DA SOUZA COSTA RPG E ENSINO DE HISTÓRIA: UMA ARTICULAÇÃO POTENTE PARA A PRODUÇÃO DA NARRATIVA HISTÓRICA ESCOLAR 2016 CARMEN TERESA GABRIEL LE RAVALLEC UFRJ
Resumo
O presente texto objetiva discutir algumas bases do conhecimento histórico escolar e as formas pelas quais o jogo de interpretação de personagens RPG pode constituir-se como uma fermenta potente no desenvolvimento das operações intelectuais com as temporalidades e na reelaboração das consciências históricas de alunos e alunas da educação básica. Para isso as contribuições teóricas de Paul Ricoeur e Jörn Rüsen serão de grande importância.
Palavras-chave
ProfHistória; Ensino de História; Temporalidade;Narrativa;Consciência histórica;Competência narrativa
Link
dissertação
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
CAROLINA VIANA MACHADO O PÓS ABOLIÇÃO NAS AULAS DE HISTÓRIA: UMA ANÁLISE DO PAPEL ATRIBUÍDO AOS NEGROS NA HISTÓRIA ENSINADA 2016 AMILCAR ARAÚJO PEREIRA UFRJ
Resumo
Esta dissertação corresponde ao resultado final da pesquisa realizada ao longo de minha trajetória no curso de Mestrado Profissional em Ensino de História do Instituto de História da UFRJ (ProfHistória) no qual me dediquei a analisar a forma como a participação política social e cultural dos negros na História do Brasil, no período pósabolição, vem sendo tratada nas aulas de História. Para isto embasei minha análise tanto no que se refere ao conteúdo presente nos livros didáticos quanto na atuação dos professores no cotidiano das aulas, a partir de entrevistas realizadas com docentes que atuam na Educação Básica.
Palavras-chave
ProfHistória; Ensino de História; Pós abolição;Livros didáticos
Link
dissertação
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
FERNANDA PEREIRA DE MOURA “ESCOLA SEM PARTIDO”: RELAÇÕES ENTRE ESTADO, EDUCAÇÃO E RELIGIÃO E OS IMPACTOS NO ENSINO DE HISTÓRIA 2016 ALESSANDRA CARVALHO UFRJ
Resumo
A presente dissertação investiga o Movimento Escola sem Partido, os projetos de lei Escola sem Partido e projetos a ele relacionados e suas consequências para o ensino de história. Analisamos o movimento como parte de um movimento conservador característico da sociedade brasileira, entendendo que os projetos do tipo escola sem partido funcionam no campo da educação como mecanismos de contenção que agem em conjunto com os mecanismos de imposição (ensino religioso e moral e cívica) contra os avanços da laicidade do estado e da secularização da cultura. O foco da análise são os projetos em tramitação no Congresso Nacional relacionando-os aos projetos em tramitação em estados e municípios. Também foram examinadas em perspectiva históricas as relações entre as religiões e o estado brasileiro no campo das políticas públicas para educação em diálogo com um movimento conservador maior presente em vários outros países. Por fim, são examinados os impactos dos projetos escola sem partido, bem como de suas bases ideológicas subjacentes, para o ensino de história no que tange a uma educação voltada para a democracia e que inclua o respeito ao outro, com foco na questão das relações de gênero.
Palavras-chave
ProfHistória; Ensino de História; Escola sem Partido;Religião;Gênero;Laicidade
Link
dissertação