• Quem é Quem - Profhistória
  • Facebook
  • Youtube

Lista das dissertações dos alunos do ProfHistória



Limpar

Foram encontrados 408 registros

Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
ELISÂNGELA COÊLHO DA SILVA A HISTÓRIA DA ÁFRICA NA ESCOLA, CONSTRUINDO OLHARES "OUTROS": AS CONTRIBUIÇÕES DO MANUAL DO PROFESSOR DO LIVRO DIDÁTICO DE HISTÓRIA DO ENSINO MÉDIO 2018 MARTA MARGARIDA DE ANDRADE LIMA UFPE
Resumo
Esta pesquisa investigou o tratamento das orientações teórico-metodológicas relativas à educação das relações étnico-raciais presentes nos Manuais do Professor de livros didáticos de História do Ensino Médio. Nossa problemática teve como foco, questionar em que medida estas orientações têm contribuído no sentido de questionar visões e versões históricas etnocêntricas, homogeinizantes e hierarquizantes de culturas e povos africanos. Para responder a tal questionamento analisamos os manuais do professor de livros didáticos de História do Ensino Médio das coleções que compõem o PNLD 2015. Para seleção do material analisado, usamos os critérios de maior e menor índice de escolha por parte dos professores. Neste trabalho o Manual do Professor se constituiu como objeto e fonte de pesquisa. Suas estratégias pedagógicas e sugestões de atividades, leituras, materiais e projetos pedagógicos, para o trabalho com história da África constituíram a base de nossa análise textual, em diálogo analítico com a perspectiva teórica e político-educacional dos Estudos Pós-Coloniais Latino-Americanos e da constituição dos saberes históricos escolares. Nossa conclusão aponta entre os avanços identificados, a inserção nas orientações dos manuais de discussões historiográficas, autores africanos e novas versões e interpretações sobre história da África. Entretanto, consideramos esses avanços ainda restritos no tratamento histórico e pedagógico dos conteúdos selecionados nas coleções, e como desdobramento, reconhecemos uma contribuição limitada na tentativa de redefinição do lugar da África e dos africanos na história da humanidade. Como parte propositiva deste trabalho, apresentamos no formato de Material de Apoio Didático para o(a) professor(a) de História do Ensino Médio, um Caderno de Leituras, intitulado AS IMAGENS DA ÁFRICA EM DISCUSSÃO: invenção e reinvenções, problematizando a construção de imagens sobre a África e os africanos e socializando sugestões de leituras sobre a cultura e história africana e orientações teóricometodológicas para o trabalho em sala de aula.
Palavras-chave
ProfHistória; Ensino de História;Saberes Escolares. Legislação Antirracista. Livro Didático. Manual do Professor
Link
Dissertação
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
DILERMANDO PEREIRA TORRES NETO CIDADE, HISTÓRIA E MEMÓRIA: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL EM SÃO BENTO DO UNA-PE 2018 RICARDO PINTO DE MEDEIROS UFPE
Resumo
O presente trabalho, Cidade, História e Memória: Educação Patrimonial em São Bento do Una – PE, busca analisar a importância de perceber a relação que há entre o Ensino de História, História Local, Cidade e Patrimônio a partir da observação, registro, pesquisa e apropriação das evidências presentes no espaço urbano. O presente se conecta com o passado a partir dos vários vestígios existentes, por exemplo, em uma cidade. Como podemos conhecer, a partir das transformações do espaço urbano e seu entorno, a história de nossa cidade, bem como, o que se aprende e se constrói? Para tentar responder a esta e outras questões, propomos organizar um projeto didático, intitulado Memórias da Cidade, onde buscamos trabalhar a relação que há entre história, cidade e educação no entendimento e construção da identidade através da valorização da memória, utilizando-se de fotografias antigas da cidade. O projeto em tela foi desenvolvido com os alunos do 1º ano do Ensino Médio da Escola Técnica Governador Eduardo Campos da cidade de São Bento do Una-PE. Como “produto” deste trabalho, estamos propondo como subsídio ao trabalho docente, uma cartilha discutindo o itinerário seguido para elaborar o projeto desenvolvido neste trabalho, bem como apresentando alguns conceitos utilizados, pistas e referências de como trabalhar com projetos didáticos, bem como propostas de atividades avaliativas.
Palavras-chave
ProfHistoria, Ensino de História, História Local. Cidade. Patrimônio. Projeto Didático
Link
Dissertaçao
Autor Título da Dissertação Ano Orientador Instituição
DANIELA MARTINS DE MENEZES MORAES ENSINAR E APRENDER HISTÓRIA NAS REDES SOCIAIS ONLINE: POSSIBILIDADES E DESAFIOS PARA O ESPAÇO ESCOLAR 2018 JULIANA ALVES DE ANDRADE UFPE
Resumo
O presente texto intitulado “Ensinar e Aprender História nas Redes Sociais Online: Possibilidades e desafios para o espaço escolar” traz como problemática a grande influência das redes sociais online no processo de ensino-aprendizagem da História. Nosso objetivo central é discutir as potencialidades pedagógicas que as redes possuem na aprendizagem da História, ampliando a perspectiva para além de simples instrumento didático. Desta forma, buscamos conceituar a noção de Aprendizagem Histórica Digital fundamentando-a numa tríplice base conceitual: a Cibercultura (contexto), os homo zappiens e infoexcluídos (sujeitos) e as demandas de aprendizagem histórica contemporâneas, partindo de uma análise teórica dos escritos de LEVY (2010) e CASTELLS (2003) sobre a Era Digital, de VEEN (2009), SIBILIA (2012) e SILVA (2009) sobre o perfil do estudantes hodiernos e LEE (2003) sobre a Educação Histórica. Feito isso, realizamos uma observação do Instagram, buscando compreender dinâmica, almejando assim fazer uma apreciação dos usos pedagógicos possíveis e problematizar os seus perfis de usuários mais acessados que são voltados para a temática histórica. Os resultados nos mostraram que grande parte desses perfis não se propõe a fazer uma narrativa histórica com fins pedagógicos, mas exemplificar fatos e contar anedotas, sem uma reflexão profunda das temáticas expostas. Uma pesquisa de caráter quantitativo também foi realizada com nossos estudantes do ensino médio, a partir da aplicação de um questionário, que associada aos dados obtidos pelo Cetic.br nos auxiliaram a verificar seus hábitos e preferências no uso das tecnologias digitais e no acesso à Internet e as implicações disso na aprendizagem histórica. Partindo desse cenário intentamos propor a criação de um material, um guia prático voltado para professores para auxiliá-los no uso das redes sociais digitais nas aulas de História, facilitando a aplicação do conceito aqui proposto de Aprendizagem Histórica Digital. A parte propositiva desta pesquisa é caracterizada dessa forma pela concepção, construção e utilização do material por nós sugerido no intuito prático de facilitar o exercício da docência no processo de ensino-aprendizagem da História apoiado nas redes sociais online.
Palavras-chave
ProfHistoria, Ensino de História,Aprendizagem Histórica. História Digital. Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação. Redes Sociais Online. Era Digital.
Link
Dissertação